Paulo Portas, impossibilitado de frequentar, por razões óbvias, as feiras e mercados, aos sábados, domingos e feriados, começou a dedicar-se à caça, não submarina, com uns amigos alemães que conheceu no tempo do negócio dos "submersos" e, com a sua conhecida mania das grandezas, em vez de se dedicar aos coelhos, lebres ou às perdizes, resolveu ir passar os fins de semana no Alasca, e caçar ursos. Depois de várias horas à espreita, avistou um urso grande, apontou a carabina e abateu o animal. Estava a gritar de alegria, quando sentiu um toque no ombro. Era um urso maior ainda, a sacudir a cabeça em sinal de desaprovação: - Não deverias ter feito isto – disse o urso – Mataste um dos meus semelhantes, e agora vais ter de pagar. Preferes morrer ou ser violado? Diante das circunstâncias, Paulo Portas escolheu a segunda alternativa, entregando-se ao animal. Sobreviveu, mas jurou vingança. Um mês depois, voltou ao Alasca disposto a matar o urso que o violentara. Avistou-o, apontou e abateu-o com um único tiro. Logo sentiu um toque no ombro. Era outro urso, muito maior do que o que ele tinha matado. O bicho repetiu o discurso do mês anterior: - Mataste um dos meus semelhantes e vais ter de pagar. Preferes morrer ou ser violado? O Paulinho nem queria acreditar naquilo. A cena repetia-se. Jurando vingança, entregou-se ao animal monstruoso. No mês seguinte, sedento duma desforra, voltou ao Alasca. Avistou um gigantesco urso, apontou e abateu o animal com um tiro certeiro. E sentiu outro toque no ombro. Era um urso descomunal, que disse: - Diz-me a verdade, tu não vens aqui para caçar, pois não?...//... O Presidente dos Estados Unidos da América, Barak Obama, ouviu tanto falar dos alentejanos, que decidiu convidar um grupo deles para visitarem os Estados Unidos. Mandou o seu próprio avião buscá-los ao Alentejo e prepararam uma grande recepção no hangar presidencial, onde colocaram um grande palanque, com banda, passadeira e cartazes de boas-vindas. Ao chegar o avião, a banda começa a tocar, os coros a cantar, abre-se a porta do avião, assoma-se a hospedeira e,... nada, dos convidados... nada. O presidente, descontrolado porque eles não descem, manda o seu secretário investigar. O secretário regressa, fala com o presidente e diz-lhe: "Senhor, os alentejanos não querem descer porque têm medo do Well" O presidente não percebe nada e diz-lhe: "Mas... quem é o Well?" Regressa o secretário e diz ao alentejano: - O Presidente pergunta quem é Well? E o alentejano diz-lhe: - Não sei! Mas ali, naquele cartaz diz: "WELL COME ALENTEJANOS"...//... Faltavam poucos dias para o seu casamento, quando a sua futura sogra, uma quarentona escultural toda boazona, num momento a sós lhe diz no sofá da sala: - Quero que saibas que sempre te achei um homem atraente e… bem… fico envergonhada só de falar… - Pode falar! Fique à vontade! – Diz ansioso o homem. Continua a sogra: - Bom, antes que te cases, eu gostaria de fazer amor contigo! O homem fica boquiaberto e ela prossegue: - Eu vou para o quarto. Se quiseres ir embora, já sabes onde é a porta… Se me quiseres ter é só ir lá ao quarto… Estarei à tua espera bonzão! O homem espera a sogra ir para o quarto, pensa por meio segundo e decide o caminho que vai tomar. Corre para a porta e, ao sair de casa, encontra apoiado no seu carro o seu sogro sorridente. - Parabéns! – disse ele – Queríamos saber se eras um homem fiel, honesto e leal e tu passaste no teste! Nesse momento, a sogra saiu da casa e também o cumprimentou. Moral da história: Guardar os preservativos no carro e não no bolso tem as suas vantagens!...//... A mulher comenta: - Que coincidência! Eu também pedi uma taça de champanhe. - Hoje é um dia especial para mim - diz o fazendeiro - Estou a festejar. - Hoje é um dia especial para mim também! - diz a mulher - Eu também estou a festejar. - Que coincidência! - diz o fazendeiro. Quando "batem" as taças ele pergunta: - O que é que a senhora está a celebrar? - Eu e meu marido há uns tempos que andamos a tentar ter um filho e hoje o meu ginecologista disse-me que estou grávida. - Que coincidência! - diz o homem - Sou criador de galinhas e durante muitos anos as minhas galinhas não eram férteis. Mas consegui! Elas hoje começaram a pôr ovos férteis. - Isso é óptimo - diz a mulher - Como é que conseguiu que as suas galinhas ficassem férteis? - Usei um galo diferente - diz ele... A mulher sorri, brinda novamente e diz: - Mas que coincidência...//... Um tipo sofria de dor de cabeça crónica infernal. Foi ao médico que, depois dos exames de praxe, disse: − Meu caro, tenho uma boa e uma má notícia. A boa, é que posso curá-lo dessa dor de cabeça para sempre. A má notícia é que para fazer isso eu preciso castrá-lo! Os seus testículos estão pressionando a espinha, e essa pressão provoca uma dor de cabeça infernal. Para aliviar o sofrimento preciso de removê-los. O tipo levou um choque e caiu em depressão. Passou dias meditando. Indagava se havia alguma coisa pela qual valesse a pena viver. Não teve outra escolha senão submeter-se à vontade do bisturi. Quando deixou o hospital, pela primeira vez, depois de 20 anos, não sentia mais dor de cabeça. No entanto, percebeu que uma parte importante de si estava faltando. Enquanto caminhava pelas ruas notava que era um homem diferente, mas que poderia ter um novo começo. Avistou uma loja de roupas masculinas de luxo. "É disto que eu preciso", disse para si mesmo. − Quero um fato novo!!!, pediu ao vendedor. O alfaiate, de idade avançada, deu uma olhadela, e falou: − Vejamos... é um 44, longo. Ele riu-se: − É isso mesmo, como é que adivinhou? − Estou no ramo há mais de 60 anos, respondeu o alfaiate. Experimentou o fato, que lhe ficou a preceito. Enquanto se admirava ao espelho, o alfaiate perguntou: − Que tal uma camisa nova? Ele pensou por alguns instantes: − Claro! O alfaiate olhou e disse: − 34 de manga, e 16 de pescoço. E ele pasmado: − Mas... É isso mesmo! Como é que adivinhou? − Estou no ramo há mais de sessenta anos - repetiu. Experimentou a camisa e ficou satisfeito. Enquanto andava pela loja, o alfaiate sugeriu-lhe: − Que tal umas cuecas novas? − Claro. O alfaiate olhou os seus quadris, e lançou: − Vejamos... Acho que é o 36. Aqui, o tipo soltou uma gargalhada: − Desta vez, falhou! Uso o tamanho 34 desde os 18 anos de idade. O alfaiate sacudiu a cabeça, negativamente: − Você não pode usar 34. O tamanho 34 pressiona os testículos contra a espinha, e essa pressão deve provocar-lhe uma dor de cabeça infernal....//... Marcão era um antigo funcionário de uma cervejaria no interior de São Paulo. Ele era feliz no trabalho, embora seu sonho fosse ser degustador de cerveja, bebida que tanto adorava. Certa vez, trabalhando no turno da noite, ele caiu dentro de um tonel de cerveja. Pela manhã, o vigia deu a triste notícia: — É com profundo sofrimento que informo que o Marcão se desequilibrou, caiu no tonel de cerveja e infelizmente morreu afogado. Um grande amigo de Marcão com a voz muito triste pergunta: — Meu Deus! Será que ele sofreu? O vigia então responde: — Acredito que não, porque segundo as imagens da câmera de segurança, ele chegou a sair três vezes do tonel para mijar...//... Em Angola, Kussumbé foi a uma estação de serviço onde havia um cartaz que dizia: "Encha o depósito e concorra a uma noite de sexo grátis" Depois de encher o depósito, Kussumbé chamou o funcionário e perguntou: - Ei, como si faz pra concorere nesse promoção? - É fácil: basta dizer um número de 1 a 10. Se for o mesmo número que estou pensar, o senhor ganha - explicou o empregado. Kussumbé disse então: - 8. - Erraste: eu estava pensar no número 4 ... Uns dias depois Kussumbé voltou à estação mais o seu amigo João, encheram o depósito, chamaram o mesmo funcionário e perguntaram: - Ainda estás no promoção? - Sim, diga lá o número de 1 a 10. Se acertar o número que estou pensar, ganha uma noite de sexo grátis. E Kussumbé disse: - 5. O funcionário: - Erraste... Eu estava pensar no número 2 ... Depois de voltarem várias vezes sem nunca terem acertado, João comentou com Kussumbé: - Acho que o gajo do posto está a enganar a genti, pá: nóis nunca acerta! Diz Kussumbé: - Deixa di desconfiança pá,...semana passada minha mulher acertou três vez... nóis é que é burro, pá!...//... Um anão chega à Amazónia com um machado de 15 centímetros e vai preencher os papéis para ser lenhador. O capataz pergunta-lhe: - Nome? - Johnny Short. - Idade? - 25. - Grau de experiência? - Imensa. Rápido, eficaz e trabalhador. Corto tudo num instante. - Local anterior de trabalho? - Deserto do Saara. - Saara? Ouça lá, está a gozar comigo? No Saara não há árvores! - Não há agora. Havia de ver aquilo antes de eu ir para lá......//... Uma advogada seguia em alta velocidade com seu BMW topo de gama, quando um soldado da Guarda Nacional Republicana a mandou parar. Guarda: - A senhora vinha em excesso de velocidade, por favor, a sua carta. Advogada: - Está caducada. Guarda: - Os documentos do carro. Advogada: - O carro não é meu. Guarda: - A senhora, por favor, abra o porta-luvas. Advogada: - Não posso, tem lá um revólver que usei para roubar este carro. Guarda (já bastante preocupado): Abra o porta-malas! Advogada: - Nem pensar! Na mala está o corpo da dona deste carro, que eu matei no assalto. O guarda, vendo-se diante das circunstâncias, resolve chamar o Sargento. Chegando ao local o Sargento dirige-se à advogada: Sargento: - Carta de condução e documentos do carro por favor! Advogada: - Estão aqui senhor Comandante, como vê o carro está no meu nome, tem seguro, tem inspecção e a minha carta de condução está em conformidade. Sargento: - Abra o porta-luvas! Advogada (tranquilamente) : - Como vê só tem alguns papéis. Sargento: - Abra o porta-malas! Advogada: - Certo, aqui está... como vê, está vazio. Sargento (constrangido): - Deve haver aqui algum equívoco, o meu subordinado disse-me que a senhora não tinha carta de condução, que não era a dona do carro, que o tinha roubado, com um revólver que estava no porta luvas, a uma mulher cujo corpo estava no porta malas. Advogada (indignada): - Só falta agora esse sacana dizer que eu vinha em excesso de velocidade!!!...//... Um tipo está detido e todo partido na esquadra da Polícia de Segurança Pública, na Praça da Alegria, em Lisboa. O advogado comparece para libertá-lo, e pergunta o que havia acontecido. O cliente começa a explicar: - Bem, eu estava a passar na rua e de repente, vi um monte de gente a correr. Estavam a ajudar uma prostituta, que acabava de dar à luz um lindo menino em plena rua. Solidário, comprei um pacote de fraldas para oferecer à prostituta. Ao aproximar-me, um polícia com 2 metros de altura e 1 de largura, viu o pacote de fraldas nas minhas mãos e perguntou: - Para onde vai isso? E eu respondi: - "Vai para a puta que pariu!". Depois disso não me lembro de mais nada... mas já consigo abrir um olho!...//... Numa aldeia pecava-se demais! O velho padre, cansado de ouvir tantas confissões envolvendo o desagradável termo "adultério”, combinou um código com os seus paroquianos. Sempre que alguém perdesse a cabeça teria simplesmente de dizer: "Senhor Padre, eu caí!”. E pronto, sempre que alguém confessava ter "caído”, o velho padre já sabia do que se tratava. Mandava o pecador rezar três 'Avé-Marias' e um 'Pai-nosso', e a coisa ficava por ali. Os anos passaram e, o velho padre partiu deste mundo, sem ter tido tempo de avisar o seu sucessor do código combinado. Um dia, o jovem padre, espantado com tanta queda, dirigiu-se ao Presidente da Junta de Freguesia para lhe expor a estranha situação: - O Sr. Presidente vai-me desculpar, não me quero meter no seu trabalho, mas tem os passeios numa lástima! Não passa um dia sem que muitos dos meus paroquianos se queixem de ter caído… O Presidente solta uma gargalhada e antes de esclarecer a situação, o jovem padre continua: - E não se esteja a rir Sr. Presidente, que a sua esposa, coitada, só esta semana já caiu três vezes!...//... O marido chega a casa bêbado ao fim do dia e diz à mulher: - Hoje, lá na tasca, fizemos um concurso para ver quem bebia mais copos de vinho! Pergunta a mulher: - Quem é que ficou em segundo lugar?...//... Catarina Martins, líder do Bloco de Esquerda, questiona Passos Coelho num debate quinzenal no Parlamento: - Senhor Primeiro-Ministro, isto está de tal maneira que até as raparigas licenciadas têm que se prostituir para sobreviver.· Passos com o seu habitual sorriso responde: - Lá está a Senhora Deputada a inverter tudo... só quem não quer é que não vê que hoje o nosso sistema de ensino está tão bom, que até as prostitutas já são licenciadas!...//... Um tipo sai bêbado de uma discoteca às 7 da manhã e mete-se no carro. No entanto, tem um momento de lucidez e decide dormir no carro antes de se meter ao caminho. Estaciona então ao lado de um jardim e adormece. Minutos depois um tipo em fato de treino que anda a correr bate à janela do carro, acorda-o e pergunta-lhe que horas são. - Sete e cinco - resmunga ele. Cinco minutos mais tarde outro desportista volta a bater-lhe à janela do carro para perguntar as horas. - Sete e dez - responde ele. Nessa altura saca de um papel e de uma caneta e escreve em letras grandes: "Não sei que horas são!", e pendura o letreiro na janela do carro. Cinco minutos mais tarde um tipo que vai a passar bate-lhe à janela do carro e diz-lhe: - São sete e um quarto!...//... O árabe vai à loja do judeu para comprar soutiens pretos. O judeu, pressentindo bons negócios, diz que são raros e poucos e vende por 40 euros cada um. O árabe compra 6, e volta alguns dias depois querendo mais duas dúzias. O judeu diz que as peças vão ficando cada vez mais raras e vende por 50 euros a unidade. Um mês mais tarde, o árabe compra o que resta por 75 euros cada. O judeu, encucado, pergunta-lhe o que faz com tantos soutiens pretos. Diz o árabe: - Corto o soutien em dois, faço dois chapéuzinhos e vendo aos judeus por 100 euros cada. FOI ASSIM QUE A GUERRA ISRAELO-ÁRABE COMEÇOU...//... Diz um tipo para o colega de escritório: - Está decidido, se o patrão não retira o que há pouco me disse, vou-me embora! O colega: - Calma, pá! Não te precipites! Mas, o que é que ele te disse? O outro: - Disse-me: ”Está despedido!"....//... Um indivíduo vai com o seu cão ao cinema. O sujeito da cadeira ao lado, começa a ficar espantado ao ver que o cão ria e batia palmas, como se estivesse realmente a compreender o filme. Diz o sujeito para o dono do cão: - Estou admirado, o seu cão percebe o filme todo. - Ai está admirado?! Mais admirado estou eu! - Então... mas porquê? - É que ele... leu o livro e não gostou!...//... Depois de esperar uma hora e meia pelo namorado para irem jantar, a rapariga decidiu que não valia a pena esperar mais. Tirou a roupa de gala e vestiu o pijama, fez pipocas e sentou-se no sofá a ver televisão. Logo depois, a campainha toca. Ela abre a porta e o namorado diz: - É sempre a mesma coisa... Eu até chego duas horas atrasado e tu ainda não estás pronta!...//... Na esquadra da Polícia do Cartaxo entra um indivíduo muito aflito e pede para falar com o chefe. Quando este aparece, aquele diz-lhe, muito assustado: - Senhor chefe, esta madrugada entrou um ladrão em minha casa, eram três horas da manhã... - E levou alguma coisa? - Perguntou o chefe. - Se levou!... O homem está em coma no hospital de Santarém! A minha mulher julgou que era eu que vinha da casa de alterne Kikas!...//... Num voo internacional, como é habitual, o comandante do avião liga o microfone e fala aos passageiros: - Bom dia, senhores passageiros, neste exacto momento estamos a 9 mil metros de altitude, velocidade cruzeiro de 860 Km/hora e estamos a sobrevoar a cidade de...AAAAAAAHHHH. VALHA-ME DEUS!!! Os passageiros ouvem um barulho infernal, seguido de um grito pavoroso: - NÃÃÃÃÃÃÃÃOOOOOOO!!! Depois de um silêncio sepulcral, o comandante volta a ligar o microfone e, timidamente, diz: - Peço imensa desculpa, mas esbarrei na bandeja e uma chávena de café caiu-me no colo. Imaginem lá como é que ficaram as minhas calças à frente! Prontamente, um dos passageiros gritou: - Cabrão! Imagina lá como é que ficaram as minhas calças atrás!!!......//... Dois bêbados apanham um eléctrico em Lisboa. E, já lá dentro, confundem um oficial da Marinha com o revisor, e apresentam-lhe os bilhetes. Diz o oficial da Marinha: - Desculpem mas eu não sou o revisor… Intrigados perguntam os bêbados: - Não é o revisor? Então porque está assim vestido? Explica-lhes o homem: - Eu sou um oficial da Marinha. E, ao ouvirem aquilo, os bêbados dizem um para o outro: - E agora?! Enganá-mo-nos, isto é um barco...//... Altas horas da madrugada, um casal acorda ao som insistente da campainha da porta. O dono da casa levanta-se e, pela janela, pergunta: - O que é que você quer? Responde um homem: - Olá. Eu sei que é tarde. Mas preciso que alguém me empurre. A sua casa é a única nesta região. Só você me pode empurrar! Resmunga o homem da casa: - Eu não o conheço! São 4 horas da madrugada e pede-me para o ajudar?! Ah, você está bêbado, vá-se mas é embora! E volta para a cama. A mulher, que também acordara, não gostou da atitude do marido: - Exageraste! Já ficaste sem bateria aqui há pouco tempo. Bem podias ter ajudado o indivíduo… - Empurrá-lo? Ele está é bêbado! – Desculpa-se o marido. - Mais um motivo para o ajudares – insiste a mulher. – Ele não vai conseguir andar sozinho. Logo tu, que sempre és tão prestável… Mordido pelos remorsos, o marido veste-se e vai para a rua: - Eu vou ajudar-te! Onde é que estás? E o bêbado, gritando do fundo do jardim: - Aqui, no baloiço...//... Num restaurante, pergunta o cliente ao empregado de mesa: - Qual é prato do dia? O empregado de mesa: - Língua de vaca estufada. O cliente: - Nunca como o que sai da boca de um animal! O empregado; - Então, se preferir, podemos fazer uma omelete...//... O padre confessor: - Mas, isso é grave, minha filha! E onde foi, então, que ele te beijou pela primeira vez? A jovem: - Foi na boca. Mas, a segunda vez, foi na… O padre: - Chega, chega! Eu te absolvo em nome…...//... Ao fim do dia, um tipo chega a casa a cair de bêbado. Diz-lhe a mulher: - Mais uma?! Todos os santos dias trazes uma piela para casa! Responde o bêbado: - Quem é amigo, quem é?!...//... Diz uma mulher para a amiga: - Escuta esta notícia do jornal: ”A partir de agora quem provocar dores a animais tem pena de prisão”! Diz a amiga: - Olha, o panhonha do meu marido é que vai ficar beneficiado com isso...//... Dois amigos cruzam-se num passeio e observa um: - Que ar alegre que trazes! O que é que te aconteceu? O outro: - Venho de dar uma queca num baloiço… O amigo: - Num baloiço?! Como?! O outro: - Estive com uma gaja que é marreca...//... A certa altura da cerimónia do casamento, diz o padre: - O que Deus unir ninguém pode separar. Entre dentes, diz a recente sogra: - Isso é o que vamos ver!...//... Um velho no Lago Niassa em Moçambique estava a transportar turistas de canoa, quando um dos jovens decide gozar: - Ó seu velho analfabeto, sabes o que é zoologia, estomatologia? Não sabe! oftalmologia? Não sabe?! Que burrinho!! O velho irritado, dá um abanão à canoa fazendo com que o jovem caísse ao lago e, por incrível, o jovem não sabia nadar… Então o velho começou a rir: – Então tu, sabes nadatologia, afogatologia he? Não sabe! Então corcodilogia vai tomar conta da tua cabeça! ...//... Uma loira para a amiga: - Ele pediu-me a mão e ofereceu toda a sua fortuna! A amiga: - E não aceitaste, porquê?! A loira: - Porque a minha mão era maior que a fortuna dele. ..//... Pergunta o professor: - Joãozinho, chove que tempo é? O Joaozinho: - Mau tempo. ...//... Ao fim do dia, a loira chegou a casa e encontrou a empregada doméstica com um ar muito espantado, e perguntou: - Serafina, porque estás com essa cara tão espantada? A empregada: - Ó minha senhora, então não é que ouvi no rádio que um furacão passou numa cidade da América e varreu aquilo tudo em menos de três minutos! E a loira: - É para que vejas! Só tu, para varreres o meu quarto, levas um tarde inteira!.../... Dizia um tipo ao amigo: - Chega a ser mania o gosto que as mulheres têm para gastar o dinheiro! O amigo: - Eu que o diga! Mal a minha sogra adoece, a minha mulher quer ir logo ao médico com ela ...//... Pergunta o doente: - Tem a certeza, doutor, que é uma pneumonia que eu tenho?! O médico: - Absoluta! O doente: - É que um amigo meu estava a ser tratado de uma pneumonia mas, afinal, acabou por morrer de outra coisa qualquer. O médico: - Ó homem, eu quando trato uma pessoa de pneumonia é de pneumonia que ela morre! ...//... Diz a mulher para o marido: - Escuta esta notícia curiosa, que vem aqui no jornal: ”O ser humano morrerá por falta de ar em cinco minutos, por falta de sono, em dez dias, por falta de água, numa semana e por falta de alimento, em tempo variado, conforme as circunstância”! O marido: - Conclusão: o vinho é vida!...//... Dizia o pai de um deputado a um amigo: - O meu filho nasceu para o Parlamento! O amigo: - Talvez. Mas, o contrário não é verdade...//... Um sujeito bate à uma porta de uma casa e aparece-lhe uma senhora. - Que deseja? O sujeito: - Esta não é a casa do Cordeiro? A senhora: - Deve ser engano. Quem mora aqui é o senhor Carneiro. O sujeito: - Tchiii! Como o tem passa...//... Um tipo bem vestido é abordado no passeio por um mendigo com ar debilitado: - Ajude-me, senhor, que eu há três dias que não como nada. O tipo: - Olhe, quer um conselho? Ande a pé uma hora e meia todas as manhãs que isso lhe abrirá o apetite....//... Era fim de semana e ela saiu para fazer compras. Quando regressou a casa, deparou-se com o marido ainda sentado no sofá da sala, a ver televisão. Diz ela para o marido: - És muito preguiçoso, homem! Já podias ter ido à rua com o cão, em vez de estares aqui sentado! Depois, ela chama o cão e diz-lhe: - Bobi, anda, vai já passear o dono...//... Um indivíduo leva o nariz a tocar no vidro da janela do comboio e vai incomodando todos os outros passageiros, pois não pára de contar em voz alta as peças de gado que vai avistando: - 437 ovelhas... – mais adiante, continua – 392 vacas... Depois solta um grito de espanto e alguém lhe pergunta: - Oh amigo que histerismo vem a ser esse? Diz o homem: - Sabe é que fiquei admirado com a quantidade de porcos, pois acabei de contar 903. Espantado pergunta o outro passageiro: - Mas como consegue o senhor à velocidade que vai o comboio contar tantos animais? Explica o homem: - É fácil conto as patas e depois divido por quatro....//... Um tipo diz ao amigo: - O novo padre da paróquia fuma muito! O amigo: - É, mas só gosta das ”beatas”...//... Dois benfiquistas conversam e diz um: - Então, lá voltámos a perder outra final europeia! O outro: - Ora, com aqueles dois ”pés náuticos”... O primeiro: - Pés náuticos?! Explica o outro: - Pois, chutar a bola daquela maneira, foi mesmo ”meter água”...//... Dois amigos cruzam-se num passeio e o mais apressado diz para o outro: - Olha, pá, empresta-me aí cem euros. O outro: - Neste momento, só trago comigo vinte... O primeiro: - Não faz mal! Dá-me esses vinte e ficas a dever-me oitenta...//... Havia um café que publicitava que tinha tudo o que os clientes pretendiam, então, num dia, um homem para testar se realmente era verdade, dirigiu-se ao balcão e diz: - Boa tarde, queria uma sandes de tromba de elefante se faz favor. E responde-lhe o empregado: - Xiiii ó amigo, está mesmo com azar, acabou-se mesmo agora o pão!...//... Diz um pintor plástico para um amigo: - Eu, quando pinto qualquer tela, pinto o tema como o sinto. O amigo: - E já estás assim doente há muito tempo?...//... Na aula de Português, a professora explicava aos alunos: - Nomes colectivos são os que designam coleção ou agregado de indivíduos da mesma espécie. Por exemplo: tropa, rancho, enxame, etc. Joãozinho, diz-me lá agora mais nomes coletivos. O Joãozinho: - Malfeitores, ladrões, mentirosos, políticos...//... Diz ele para a mulher: - A verdade seja dita! Desde que a minha mãe começou a cozinhar cá em casa, não só te poupou esse trabalho, como temos poupado dinheiro! A mulher: - E ainda há outra vantagem! Antes, quando era eu a cozinhar, as sobras da comida iam todas para os pobres. Agora, até esses deixaram de cá vir...//... Numa livraria, pergunta uma loira ao funcionário: - Quanto custa esta coleção encadernada de obras célebres de Camilo Castelo Branco? O funcionário: - Neste momento, estamos a vendê-la por metade do preço do catálogo. A loira: - E quanto custa o catálogo?...//... Dois tipos, já bem ”atestados”, ao balcão de um bar. Diz um: - Tal como a fome, o tinto é negro! O outro: - Quem tudo quer, tudo bebe! O primeiro: - Bebo, logo exijo! O outro: - Melhor que esquecer é beber!...//... Um cão, que roía um osso, começa a rosnar ao ver outro a aproximar-se. Diz o outro cão: - Calma, pá, eu sou teu amigo! O que rosnava: - Tá bem, mas, amigos, amigos, ossos à parte!...//... Num bar, um sujeito encontra uma bela morena, amiga da sua mulher. Ela aproxima-se, toda insinuante e diz: - Posso fazer uma pergunta? - Claro! - Fazer sexo a três está entre as suas fantasias? E ele, empolgado, exclama: - Clarooooo!!! A morena esclarece: - Então, corra para casa que talvez ainda chegue a tempo!...//... Uma menina loira chegou a casa em Paris a chorar depois de sair da escola. - O que é que tens? – Pergunta a mãe, uma bonita e também loira francesa. Diz a filha: - Tive zero a geografia. Espantada pergunta a mãe: - Zero? Então mas porquê?! Explica a filha: - Não sabia onde fica Portugal. Diz a mãe: - Não sabes? Que burra! Passe-me aí o mapa de França que eu te digo já onde fica. E a mãe procurou, procurou... e nada! Diz ela: - Oh Meu Deus! Este mapa não é suficientemente pormenorizado. Passe-me o mapa da região de Paris. E a mãe voltou a procurar, procurar e já desorientadíssima, diz: - Também nada neste mapa, passe-me o mapa da cidade! E a mãe procura, procura… E já aborrecida refila: - Porra... Portugal não pode ficar tão longe assim. A empregada é portuguesa e vem trabalhar todos os dias de bicicleta!...//... Refila o cliente ao vendedor: - O cão que me vendeste não ladra nada, mas disseste que era cão-polícia. O vendedor na maior calma diz: - É da polícia secreta....//... No manicómio,um maluco depara com outro a tocar piano e pergunta-lhe: - Porque é que estás a tocar a música só com as teclas pretas?! Responde o outro: - Porque estou de luto...//... Um tipo passeava com a sua mulher loira e, a certa altura, diz-lhe: - Aquele tipo baixinho e gordo que ali vai é um autêntico ”self-made-man”! A mulher: - O que é que isso quer dizer?! O marido: - Então! É um tipo que se fez ele mesmo! A mulher: - Credo, que mau gosto! Deve ter sido feito só com peças da sucata...//... Pergunta o polícia que tomava conta da ocorrência: - Então, depois da discussão que o senhor teve com a sua sogra, não foi capaz de impedir que ela se atirasse da janela? Diz o tipo: - Eu fiz tudo para a salvar, senhor guarda. Corri logo, escada a cima, mas, quando cheguei ao terraço, ela não estava lá... Interrompe o polícia: - Mas, se a queria salvar, tinha de descer as escadas e não subi-las! O tipo: - Bem se vê que o senhor guarda não conhecia a minha sogra! Ela era um autêntico espírito de contradição...//... Dois amigos na conversa, diz um: - Conheço um gajo que vê striptease quase todos os dias! Pergunta o outro: - Deve ser algum tarado, não?! Responde o primeiro: - Não! É médico...

terça-feira, 10 de junho de 2008

As meninas do gás...


por Leocádio Fanhoso, desempregado, ex-operário na Fábrica da Cortiça de Alcochete, candidato a um dos 150.000 empregos que o Sócrates prometeu.

Sem comentários:

Contador, desde 2008:

Localizador, desde 2010:

Acerca de mim

A minha fotografia
Provavelmente sou o gajo mais fixe da minha rua, onde felizmente não mora mais ninguém, e na povoação mais próxima sou altamente considerado. Tanto, tanto, que quando o burro zurra aqui, todos por lá dizem: "Lá está o burro do Óscar a zurrar!"...